77% das empresas não dimensionam pacotes de dados e perdem dinheiro

Dispositivos móveis precisam de pacote de dados para realizar plenamente suas atividades de campo. Diversos pacotes de dados de diferentes valores e capacidades são amplamente ofertados pelas operadoras e é comum vermos pacotes bônus que oferecem o dobro da capacidade de comunicação pelo mesmo valor.

O dimensionamento correto desses pacotes é fundamental para uma operação saudável. Aplicativos de e-mail, mensagem e vídeo conferência sãos os mais utilizados, seguidos de aplicativos internos específicos como aplicativos de vendas, de controles internos e produtividade. São poucos os usuários de marketing, mídias sociais, etc que precisam de grandes pacotes para streaming e/ou grandes downloads.

Mas você sabe como dimensionar?

As tarefas mais utilizadas nem sempre as que mais gastam dados, ou seja, seu negócio pode estar usando o seu investimento financeiro de forma errada. A percepção pode ser que envio de e-mails ou baixar aplicativos podem ocupar muito sua banda, mas a realidade é diferente.
Aqui listamos uma média de gastos por atividades habituais.

  • enviar um e-mail de texto: 5 KB;
  • enviar uma mensagem de texto por WhatsApp: 5 KB;
  • curtir, publicar ou visualizar texto no Facebook: 5 KB;
  • acessar uma página de website: 300 KB;
  • compartilhar uma foto no Instagram: 350 KB;
  • enviar um e-mail com anexo: 350 KB;
  • assistir 1 minuto de vídeo no YouTube: 2 MB;
  • ouvir 5 minutos de música em streaming: 13 MB;
  • baixar um aplicativo: 15 MB
  • assistir a um episódio de 10 minutos no Netflix: 100MB.

E o que isso significa?

Não é uma das tarefas mais fáceis dimensionar e acompanhar os gastos, por isso apenas 23% dos pacotes contratados estão bem dimensionados nesse cenário e 28% dos pacotes contratados disponibilizam mais de 20gb. Entender a utilização e monitorar os aplicativos é fundamental para suprir a necessidade corporativa. Bloquear aplicativos não necessários para o desempenho das atividades laborais e acompanhar os horários de consumo dos dados podem gerar boas surpresas e economias!

Adicionar comentário